CQ? na net:

Se conselho fosse bom...

Publicado em 28/09.

No maracanã, o fluminense classificou-se para a próxima fase da copa sul-americana graças ao saldo de gols fora de casa. O detalhe é que o adversário foi o arqui-rival Flamengo e os dois jogos (0x0 e 1x1) foram realizados no mesmo estádio. A amenidade, como a escalada de noticias do jornal nacional, serve para preparar seu espírito cordial, caro brasileiro. Alias, cada vez mais me identifico com Eremildo, o idiota.

O STF julga hoje a demanda do caseiro Francenildo (nome de povo, que rima com Eremildo) contra Antonio Palocci, o ex todo poderoso de Ribeirão e do Planalto. Assim como Eremildo, fico com uma ponta de esperança, de que ao menos o STF jogue alguma dose de detergente nesta lama toda. Dilmona não conversou com Lina Vieira que não tem agenda comprovando mas tem a solidariedade de funcionários comissionados em cargos de confiança e agora (tardiamente) demissionários, que, se passaram pelas portas dos palácios a fim de exercer atividade

controversa ou ilegal, foram registrados, mas podem ir tranqüilos, já que a pressa do governo em destruir provas, como a gravação dos acessos, garante-lhes o sono dos justos.


O conselho de ética vai acabar, o que é muito bom para a palavra "ética", fico com medo de ocorra como no caso do "posto que" em que prevaleceu a posição "inventada" pelo poeta, em detrimento do sentido original. As próximas gerações poderiam perfeitamente xingar seus desafetos de "éticos sem-vergonhas". Quanto a “Conselho”, bem que poderia permanecer, já que vovó não cansava de ensinar que se conselho fosse bom, ninguém dava, vendia.


A imagem que ilustra este artigo foi retirada do blog almadobeco2.blogspot.com

0 comentários :