CQ? na net:

Agressão em Caraguatatuba - Professor de saco cheio. De quê?

Servidor público paulista é uma raça desgraçada. Recebe mal, não tem condições de trabalho, não tem o acesso que precisa para cuidar de sua saúde e quando não aguenta mais é tachado de vilão. Aqui mesmo neste blog você pode conferir o descaso com que o DPME - departamento de pericias médicas - trata os servidores negando aptidão a quem, sadio, quer ingressar no serviço público e negando licença médica a quem, doente, precisa se afastar.

Dar aulas na escola pública é um teste aos nervos e a sanidade. Algumas "crianças" do ciclo II e do ensino médio usam o espaço pedagógico para experimentar - e extravasar - todo o seu potencial destrutivo. Professores e funcionários mal pagos nem sempre conseguem manter a serenidade. Quando sofrem assédio moral e são impedidos de cuidar de sua saúde física e mental acabam colocando os alunos e os colegas em risco. No vídeo o professor afirma nitidamente que está doente. Não é você quem está doente meu caro docente. É a educação de São Paulo.

Fique por dentro: Leia mais sobre o assunto clicando na tag DPME, na seção "tratamos disto", na barra direita do blog.

0 comentários :