CQ? na net:

Eleição no Brasil é uma coisa de louco.

Lula disse que o povo brasileiro tem cara de Tiririca. Achou uma cretinice obrigarem o palhaço a provar que é letrado. Como de cretinice e de ser anarfa   o presidente entende bem é capaz que tenha razão.

Em Osasco um patriota foi convocado para trabalhar na eleição, sabe-se se lá por qual razão (A grobo se esqueceu de informar) o homem foi substituído. Ficou todo nervosinho por ser impedido a trabalhar de graça num domingão em pleno feriado e partiu para a ignorância. Acabou preso o pobre e agressivo  palhaço brasileiro.

No Paraná o problema foi o oposto: No primeiro caso o palhaço alienado foi convocado a trabalhar, mas faltou. O juiz eleitoral mandou um carro intimá-lo em casa. O funcionário do TRE foi recebido a sopapos. Saiu de lá com um quente e dois fervendo e mais um mesário palhaço foi parar na cadeia. Em outro caso o camarada estava de plantão. Deu uma escapadinha para poder cumprir com o dever cívico e o juiz eleitoral foi com a fachada dele. Convocou o pobre na hora para fazer parte daquela legitima zona eleitoral. O cara explicou que estava de plantão, chorou, esperneou e só não ficou preso por pagar uma fiança de R$300.

Em Minas Gerais dizem que o mesário parou o carro na porta da escola em que trabalharia e deixou o som ligado tocando os jingles de campanha de seu partido favorito, o palhaço foi obrigado a fazer campanha no xilindró.

Para encerrar o nosso giro eleitoral, No Rio Grande do Sul o cabra foi votar cheio de manguaça, não conseguiu sacar dinheiro na urna (achou que fosse um caixa eletrônico) e arrebentou a maquininha.
E assim, com esta palhaçada toda do povo brasileiro, encerra-se mais uma eleição brasileira.

Imagem do site crescebrasil.com

1 comentários :

Anônimo disse...

If you are open to having a guest blog poster please reply and let me know. I will provide you with unique content for your blog, thanks.