CQ? na net:

Luto e alerta - Professora assassinada na porta de escola em Embu - SP.

Ser Coordenador pedagógico nas periferias paulistanas não é fácil. Entre as atribuições está a correição disciplinar e isto pode trazer dissabores. Joyce Chaddad Domingues, de 36 anos, era professora e coordenadora pedagógica em Embu, na grande S. Paulo. Em 2.009 foi ameaçada de morte por um aluno indisciplinado.


Na manhã desta segunda-feira (28/02), a professora foi assassinada à tiros por um “homem” aparentando ser adolescente. A professora tinha acabado de voltar de licença maternidade, deixa mais que um órfão, toda a comunidade escolar, onde era muito querida.

A educação pede socorro. Quem quer ser comprometido com a melhora da educação não pode ser desamparado pelo estado. A escola Municipal Paulo Freire está nas manchetes dos jornais, enquanto isto, muitas “Joyces” trabalham no anonimato. Plantam educação, não deveriam colher a própria morte.

0 comentários :