CQ? na net:

Motorista de ônibus espancado até a morte após acidente.

Quem já teve a oportunidade de presenciar um baile funk conhece a cena: Bebidas, drogas, meninas em trajes sumários, musica de gosto duvidoso em último volume fazendo apologia ao sexo fácil e ao crime e uma horda que fecha o transito e atrapalha a vida da vizinhança. Muitos destes bailes são organizados por criminosos com o intuito de vender drogas e as "comemorações"  sempre extrapolam o limite do razoável. 

Neste domingo (27/11) ocorria uma festa destas em Sapopemba, zona leste de S. Paulo. Um motorista de ônibus sofreu um enfarto enquanto trabalhava e o coletivo bateu em alguns carros e motos que estavam estacionados em frente ao local onde ocorria o tal baile. O ônibus só parou por que uma passageira puxou o freio de mão.

Os frequentadores do baile julgaram que o motorista tivesse cometido uma barbeiragem e depredaram o veiculo, não ficando satisfeitos com a selvageria invadiram o ônibus e agrediram o motorista, que estava desacordado e nem teve como se defender ou fugir, até a morte.

A policia tenta identificar os autores do crime torpe, mas até este momento ninguém foi preso.

3 comentários :

Anônimo disse...

uma barbaridade tem que pegas oss endividos e prendelosss lugar de criminozo e na cadeia

Anônimo disse...

Infelizmente o que acontece e que os povos perderam os principios que são passados de pais para filhos, hoje o ser humano se tornou "lixo". O que podemos esperar de pessoas como estas após agredirem um trabalhador, pai de familia? Meus amigos, os tempos de outrora em que o respeito ainda era algo, esta estinguindo-se aos mortais! Essa dita cultura brasileira em que musicas em apologia ao sexo e trafico imperam nas ruas algo abominavel! A justiça neste pais infelizmente anda a "cavalo".

Anônimo disse...

cadeia é pouco ta chegando o tempo q esses desgraçados vão ter triplicado o que fizeram COVARDES DE MERDA!