CQ? na net:

Alerta: Clonagem de cartão Banco do Brasil em hipermercado.

Clientes do Banco do Brasil, ao menos os réles mortais, sofrem quando precisam movimentar sua conta nos finais de semana. Ocorre que o banco limita o valor das operações nos caixas 24 horas que existem em qualquer esquina e o cli
ente precisa ir até um terminal próprio do banco, se precisar movimentar um pouco mais.

No domingo, 06 de outubro de 2013 passei por esta situação e me dirigi até a agencia Belmira Marim (4309-5) cujo auto atendimento encontrava-se fechado. A agencia mais próxima na avenida Senador Teotonio Vilela (Cidade Dutra) é conhecida por ser ponto frequente das chamadas "saidinhas de banco" e por segurança sempre prefiro utilizar um terminal existente nas dependencias do hipermercado Extra Cidade Dutra, que conta com câmeras e seguranças. 

Uma senhora estava no caixa e não conseguiu realizar sua operação, ao chegar minha vez percebi que as telas do terminal estavam um pouco diferentes (como mais letras no menu de segurança), mas julguei que não haveria bandido ousado e esperto o suficiente para atacar um caixa ali. 

Após digitar a sequencia de letras uma
mensagem "espirituosa" apareceu na tela: "Para sua segurança, digite novamente". Por confiar na estrutura de segurança do local, não desconfiei e digitei novamente a sequencia de letras e surgiu nova mensagem informando não haver conexão com minha agencia, cancelando a operação.

Fui tranquilo para casa e lá se foi o domingo. 

Na segunda feira, 07, fui trabalhar, paguei o almoço com o cartão normalmente e por volta das 15H00 saí para ir ao banco. Parei num posto de combustível para abastecer e veio a surpresa: "Não autorizado". Liguei dali mesmo para o banco e meu saldo era de R$:14,00! 

Após pensar o que poderia ter ocorrido, me lembrei do "novo caixa do BB" e então informei ao atendente o ocorrido, deixei o carro no posto e corri no Extra para conferir a configuração do bendito caixa eletrônico e bingo! Estava tudo como era antigamente. 

Minha esposa veio me socorrer e fomos ao Banco do Brasil que se encontrava fechado por conta da greve dos bancários, liguei no auto-atendimento e cancelei de pronto o cartão e corri para a delegacia mais próxima, o 85 DP, onde um funcionário mal educado não quis fazer o boletim de ocorrência por conta da falta do extrato bancário. 

Me dirigi então ao 101 DP, onde um funcionário –pelo menos-educado me explicou que também não faria o boletim pelo mesmo motivo. Com o cartão bloqueado e a agencia em greve, onde diabos vou conseguir um extrato bancário? 

Como já havia perdido o dinheiro, achei melhor não perder a calma e voltei para casapara esfriar a cabeça, resta agora procurar o banco e o hipermercado Extra para informar o ocorrido, encontrar uma bendita agencia que me forneça o extrato e voltar à delegacia de policia para lavrar o boletim de ocorrência. 

Ah! E rezar para reaver meu pobre dinheirinho...

Pesquisando na Net, percebi que o problema nem é novidade, havendo ocorrido em outro supermercado também, como informa o jornal "O vale": Bandidos usam falso caixa para clonar cartões.

Fotos: Carol Tomba /Ovale

3 comentários :

Samukasos Kasos disse...

Vale a informação: Consegui o extrato numa agencia dos correios, que conta com o Banco Postal.

Nina Miroca disse...

os bancos tem altos lucros todos os anos, ainda assim, a segurança deles tá na idade da pedra! Espero q vc consiga resolver tudo....com a greve dos bancários, tudo fica mais demorado e complicado, mas vc deve conseguir! Abraços

Priscila Oliveira disse...

Aconteceu o mesmo com o Meu pai. Percebemos somente hoje. E estamos correndo atrás.