Header Ads

Mãe, me perdoa - Carta de uma criança abusada pelo próprio pai.

Menina de 12 anos escreve carta denunciando os abusos sexuais praticados pelo pai. O homem de 34 anos foi preso pela policia em Manaus-AM. Poderia escrever um monte de coisa, nada tão contundente quanto o relato de próprio punho da vitima. 


"Mãe, me perdoa. Faz um tempo que isso está acontecendo [...] hoje isso aconteceu, isso é tão nojento. Mãe, eu nunca teria coragem de dizer para ele parar. Tudo começou quando ele veio com uma história de que queria lutar. Eu queria tirar ele de cima de mim, mas eu não conseguia, depois eu deixei, mas na minha mente eu nunca quis, ele falava para eu não sair, só que me doía muito mas eu sempre deixava. [...] Eu não queria olhar na cara dele, mas eu tinha que fingir que estava tudo normal. Eu não queria mais escutar no jornal coisa (sobre) abuso porque me doía muito. Eu já tinha escrito outra carta, só que não tive coragem de entregar. Eu pedi a Deus coragem para entregar essa. Por isso eu ficava com raiva de repente, nem ele nem a senhora me viram chorando, mas eu choro muito", 

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.