CQ? na net:

Ouça o audio: Mulher denuncia PM´s que executaram bandido em cemitério. "Você não sabe o que este homem fez!"


Dileone Lacerda de Aquino, de 27 anos, tinha cumprido pena em Bauru, no interior de São Paulo, e havia sido preso antes por suspeita de roubo, desacato, receptação, formação de quadrilha e resistência à prisão. No dia 12 de março de 2011 ele se envolveu em um roubo a um furgão de uma empresa de cosméticos no Itaim Paulista, Zona Leste da capital. Na tentativa de fuga, ele bateu o carro contra o muro de um condomínio e foi alvejado na perna esquerda pelos policiais. Em seguida, os policiais o colocaram no carro de polícia e o levaram até o cemitério. Lá, deram o tiro no peito que o matou. Em seguida colocaram o corpo de volta no carro de polícia e levaram até um pronto-socorro.


Durante o episódio uma mulher que “visitava” o cemitério localizado em Ferraz de Vasconcelos ligou para o Copom (190) e denunciou os policiais que estão presos e respondem a processo. Na gravação do Copom é possível ouvir uma discussão entre a denunciante e os policiais, onde um deles fala "Você não sabe o que este homem fez!". Os policiais  cometeram um crime e graças a denuncia vão pagar por ele. Um dos PM´s tinha quase 20 anos de corporação e estava envolvido em três ocorrências registradas como “resistência seguida de morte”. Resta saber se a corajosa mulher faria o mesmo caso presenciasse um bandido comum em ação.
PARA OUVIR O AUDIO CLIQUE NA SETA LOCALIZADA NA LATERAL ESQUERDA DO BLOG OU NO BOTÃO PLAY LOGO ABAIXO.

4 comentários :

SAMUEL / SP disse...

ESTE TIPO DE DENUNCIA SO FORTALECE ESSA CAMBADA DE BANDIDOS QUE CADA DIA AUMENTA MAIS, E É POR ISTO QUE NESTE FINAL DE SEMANA PASSADO MINHA RESIDENCIA FOI INVADIDA POR BANDIDOS E ESFAQUEARAM MEU FILHO (ESTUDANTE QUE NÃO TEM NENHUM TIPO DE VICIO), ELES SABEM QUE FOR FICAR IMPUNIS E QUE A POLICIA FICA COM AS MÃOS ATADAS SEM PODER FAZER NADA PARA DEFENDER A SOCIEDADE DE BEM, AGORA ESTA MULHER DEVE TER TIDO A SORTE DE NUNCA SOFRER ALGUM TIPO DE VIOLENCIA, TENHO A CERTEZA QUE APÓS ELA PASSAR POR ESTE PROCESSO A OPINIÃO DELA MUDARÁ A NÃO SER QUE ELA É ALIADA COM BANDIDOS.

Anônimo disse...

Será que ela teria denunciado se tivesse presenciado na hora em que o bandido matou as duas irmãs covardemente no interior de São Paulo? Ou os que arrastaram a criança por mais de 7 km no Rio de Janeiro?

Anônimo disse...

se ela acha o bandido tao bonzinho era pra essa vagabunda levar o bandido pra casa, é por isso que vivemos num país que somente o regime militar pode salva-lo (novamente).

Anônimo disse...

Que hipocresia, ela denunciou um bandido ~que foi morto pela policia e não um pai de familia.
E sabe do que mais a policia esta cansada de prender bandido em um dia e a justiça soltar em outro dia.
Parabéns aos PMs que tiraram mais um bandido das ruas.
Sabe-se lá quantas pessoas ele não matou tbm. Menos um bandido pra comer as custas do nosso dinheiro!