CQ? na net:

Carga tributária brasileira: Em 28 de maio de 2010, em fim, Feliz dia da liberdade!



O que você fez de bom com seu salário desde o dia primeiro de janeiro até o dia de hoje? Se fez muita coisa é bom que memorize bem, pois ao final do ano será exatamente o que o governo vai lhe tomar em impostos. Com outras palavras se você ganha R$:1.000,00, seu mesmo é um valor inferior a R$:600,00. O restante vai para os cofres oficiais. Por muito menos Tiradentes perdeu a cabeça e os Gregos estão plagiando Nero e botando fogo em tudo o que existe em Atenas. Se você conseguir manter seu emprego até o final do ano, a partir de de 29 de maio você começa a ganhar um dinheirinho para realmente poder chamar de seu.

Em todo o mundo só a Suécia cobra mais impostos e a França cobra o equivalente. Mas os serviços públicos nestes paises não podem se comparar ao escárnio que lhe é oferecido em troca de seu rico dinheirinho.

Quando o governo fala de um rombo de 30 bilhões por conta dos aposentados parece se esquecer o quanto estes "velhos aproveitadores e despendiosos" pagaram a vida inteira em impostos. O pior é que continuam pagando já que as aposentadorias servem quase sempre para comprar remédios e alimentos e o consumo continua tributado. Se ao menos tivessem ganho uma copa do mundo como aqueles a quem Lula vai dar uma bolada e uma mesada vitalicia pelo teto do INSS...

Mas enquanto isto, nossa carga tributaria européia com serviços públicos africanos formam uma curiosa conta: O presidente mercenário tem como taxa de aprovação exatamente o dobro da carga tributaria.

2 comentários :

Anônimo disse...

Em Portugal a carga fiscal vai aumentar este ano, 2010, para 34,8% (=127 dias do ano ou uns 76,56 dias de trabalho, ditos úteis. Isto se as contas estiverem certas, pois nós enganamos muito o fisco e, além disso, ao contrário do que aqcontece na Alemanha e outros países ditos desenvolvidos da Europa, os nossos impostos anuais sobre casas e carros são extremamente baixos, pelo que é fácil ter duas ou mais casas e dois carros. Mais de 85% dos portugueses vive em casa própria porque a ditadura fascista e a posterior democracia inicial não deixava aumentar as rendas, tornando-as extremamente baixas por causa da inflação, pelos que os senhorios não tiveram alternativa a não ser vender os apartamentos aos inquilinos a preços muito baixos.
Os portugueses dizem de si mesmo que estão na miséria, mas a realidade é que têm mais de 6 milhões de unidades habitacionais independentes para 4 milhões de famílias e mais de 5 milhões de seguros de automóveis ligeiros válidos, correspondendo a viaturas em uso. Temos 225 km de auto-estrada por milhão de habitante quando a Alemanha tem 150 km e gasta quase 1% de Pib em engarrafamentos diários de mais de mil quilómetros, dito pela Rádio Deutsche Welle. E temos 140 mil professores para 1,5 milhões de alunos do ensino não superior.
A malta aqui tem tudo, só não tem é dinheiro. Vivemos do crédito, excepto os mais velhos como eu que já pagaram a casa e o carro há muito tempo. Mesmo assim, o dinheiro não abunda.
A propósito do Brasil. É verdade que estão a construir a bomba atómica, utilizando centrifugadores inventados no Brasil que funcionam por levitação magnética, não estando ligados a mancais?
É verdade que estão a construir um submarino atómico do tipo Scorpene/Rubis, ou mesmo, cinco? E será verdade que Lula quer vender submarinos atómicos ao Irão?
Os gajos da Nato andam a dizer isso, mas não sei se são todos ou apenas os americanos que não gostam de submarinos nas marinhas de outros países, pois são os únicos navios que não podem ser vistos pelos satélites quando navegam mergulhados e para os detectar é necessário aproximar-se a poucas milhas de distância.
Nada tenha contra isso, pois se o yankees têm a arma nuclear porque não há de ter a nação-continente que é o Brasil.
Bom Blog o seu e saudações cordiais
do luso-alemão filho de carioca Dieter.

Cidadão disse...

Ola Dieter,
Agradecemos o comentário e aproveitamos para informar que em breve estaremos publicando uma ampla reportagem sobre Portugal e seus atuais aspectos politicos, economicos e sociais tais como a vanguarda na liberação do porte de drogas para consumo e a legalização da união homossexual.

Quanto ao poderío atômico brasileiro as informações que lhe chegaram são incertas. Não acreditamos que o Brasil disponha de tal tecnologia ou que possa desenvolve-la a médio prazo. Sobre o submarino, o que temos de comprovado é a aquisição de cinco equipamentos movidos a propulsores nucleares com tecnologia européia.

Quanto ao comercio de armas brasileiras ao Irã é improvavel que passe de boatos. O Brasil nem mesmo conta com armamento sofisticado para seu proprio consumo militar.

Continue nos prestigiando e mais uma vez obrigado!

Equipe "CQ?"